Páginas

quinta-feira, 25 de junho de 2015

Casa Cor 2015: Janaina Macedo apresenta Refúgio do Enófilo




















Premiada na edição anterior como ambiente mais sofisticado, a engenheira mantém alto padrão para ambiente de montanha e campo.


Com o objetivo de trazer um ambiente sofisticado e que resgata as marcas do tempo para os amantes de vinhos, Janaina Macedo apresenta o Refúgio do Enófilo na Casa Cor 2015, que inicia em 23 de junho, na Fábrika. Com essência clássica, sóbria e com toques do passado, a criação é destinada para casas de campo ou de montanha, com uma ampla adega e um confortável espaço living para apreciar um belo vinho. Essa é a segunda participação da engenheira civil especialista em arquitetura na mostra, que em sua estreia em 2014 se destacou com a Sala Brasileiríssima e recebeu o prêmio de Ambiente mais Sofisticado.

“O ambiente dessa edição foi elaborado com o mesmo requinte do ano passado, porém para gostos mais clássicos, trazendo a tradição do vinho e do tempo nos móveis e revestimentos utilizados. O estilo clássico é predominante e as cores escuras foram escolhidas para manter o aconchego dessa proposta que é para regiões frias”, explica Janaina.

A classe do antigo

Assim como o vinho, a madeira fica ainda melhor com o passar do tempo. Por esse motivo e para valorizar a história do espaço A Fábrika, foi mantido o forro de madeira original e restaurado, proveniente da construção do começo do século, que abrigava a Fábrica de Fitas Venske.

Os tecidos nobres recebem tons sóbrios e o veludo preto das cortinas, além de trazer sofisticação, tem o objetivo de preservar os vinhos da luz natural. A marcenaria da adega apresenta o MDF de Aço Corten da Masisa e o piso é da linha Marcas do Tempo da Durafloor.

Adega tradicional – Na grande adega os vinhos são armazenados em colmeias. Não é climatizada, pois o espaço foi pensado para regiões frias. No entanto, ela seria facilmente adaptada para climas mais quentes.

Arte e Antiguidades – Continuando a parceria iniciada ano passado entre Janaina Macedo e o artista plástico paranaense Eleutherio Netto, uma tela de grandes proporções foi desenvolvida exclusivamente para o Refúgio do Enófilo. Para a criação da obra, o artista utilizou pigmento da uva. Além disso, o destaque fica por conta do majestoso lustre do Antiquário Cristiano Ross. Todo em bronze maciço e alabastro esculpido manualmente é a peça central do ambiente. Compõe também o espaço um belo gramofone.

Parceiros fornecedores Refúgio do Enófilo: MDF Masisa, móveis Sierra, lustre Antiquário Cristiano Ross, tecidos Casa Nova Interiores, revestimento em pedra Guaraúna, vinhos Adega Brasil e Salton, piso Durafloor e papel de parede Orlean, marcenaria Lider Arte, vidros e espelhos AMF Vidros.


Serviço Casa Cor Paraná 2015


PeríodoDe 23 de Junho a 09 de Agosto de 2015 
Local : A Fabrika. Rua Fernando Amaro, 60 - Alto da XV. Curitiba/PR 
Refúgio do Enófilo: Sala número 40.



Facebook.com/janainamacedointeriores 
Instagram.com/janinamacedointeriores


SOBRE JANAÍNA MACEDO

Formada em Engenharia Civil pela UFPR com aprimoramento em design de mobiliário, luminotécnica e paisagismo, é Master em Arquitetura e Iluminação. Atua na concepção e execução de projetos arquitetônicos, de interiores, luminotécnicos e de paisagismo.

NoAr Comunicação
Foto: Rodrigo Ramirez



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada,por nos deixar sua opinião.