Páginas

segunda-feira, 3 de novembro de 2014

Mignon Suíno ao Molho, Purée de Feijão Branco e Chips de Aipim












Mignon Suíno
1 kg Mignon Suíno limpo

Purée de Feijão Branco
300 gramas feijão branco
75 gramas de bacon
15 gramas alho
Sal a gosto
15 gramas de manteiga
100 gramas creme de leite
Meia laranja pequena
01 litro de caldo de frango

Vinagrete
25 gramas de pimentão vermelho
10 gramas de pimentão verde
25 gramas de pimentão amarelo
25 gramas de cebola branca
25 gramas de tomate sem semente e sem pele
60 ml limão tahiti
15 ml azeite de oliva extra virgem
Sal a gosto
Pitada de pimenta calabresa

Chips de Aipim
500 gramas de aipim limpo
500 ml de óleo de soja

Molho
20 gramas de açúcar
50 gramas de creme de leite
01 ramo de alecrim
60 gramas de molho demi glacê
10 gramas de manteiga

Modo de Preparo:

Purée de Feijão Branco
Em uma panela de pressão colocar feijão branco, bacon, alho, meia laranja e caldo de frango. Deixe cozinhar por aproximadamente 30 minutos. Após cozimento, bater no liquidificador somente o feijão branco com o caldo. Colocar em outra panela, adicionando a manteiga e o creme de leite até ficar cremoso.

Vinagrete
Cortar em pedaços bem pequenos todos os ingredientes, temperando com sal, limão, azeite e pimenta calabresa.

Chips de Aipim
Laminar o aipim cru, levar para uma panela com água fervendo. Retirar com uma peneira rapidamente. Escorrer e secar bem e em seguida fritar em óleo quente.

Mignon
Temperar o mignon com sal e pimenta do reino e grelhar na manteiga.

Molho
Fazer um caramelo com o açúcar, acrescentar o creme de leite, mexendo até ficar liso.
Adicionar o ramo de alecrim, a demi glace e a manteiga. Deixar ferver em fogo baixo para engrossar.

Montagem
Colocar o purée no centro do prato. Com uma colher fazer um risco arrastando um pouco do purée. Dispor os pequenos chips de aipim sobre o purée deixando-os em pé.
Colocar três pedaços do mignon suíno no prato, em posição vertical. Em um pequeno potinho ou ramequim, colocar o vinagrete. Por último, cobrir o mignon suíno com o molho. Servir.

Rendimento
Quatro pratos individuais.
Sobre o Edvino
Fruto de um projeto antigo, de Eduardo Deboni, o restaurante Edvino é uma homenagem ao nome de seu pai e foi inaugurado em outubro de 2007, com a proposta de unir um restaurante a um wine bar. Comandada pelos chefs Thomas Boehme e Marisa Bonczkovisky, a cozinha é especializada na culinária franco-italiana contemporânea.
Para acompanhar o menu, a casa conta com uma adega climatizada composta por mais de 550 rótulos, de diferentes zonas de 23 países. À frente da carta de vinhos, o sommelier José Vinícius Chupil, formado pelo Centro Europeu em 2009. A adega Edvino foi premiada dois anos consecutivos como a melhor de Curitiba segundo o Prêmio Bom Gourmet.
Localizado em um casarão no centro do Batel, o restaurante é dividido em pequenos ambientes assinados pelo designer Paulo Peruzzo. Com toques vitorianos, a decoração aliada à iluminação ideal, torna o ambiente apropriado tanto para reuniões de negócios quanto para jantares românticos.
Com capacidade para até 110 pessoas, o Edvino funciona de segunda a sábado a partir das 19h, na Alameda Presidente Taunay, 533. Possui lareira, jardim de inverno, deck e uma sala reservada para até 15 pessoas.

Fonte: Prime Comunicação
Foto: Amarildo Henning

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada,por nos deixar sua opinião.