Páginas

segunda-feira, 27 de outubro de 2014

COLUNA KARINA REIS - Ansiedade x Medo

 Nunca fui uma menina pestinha, do tipo que os pais são chamados na escola. Sempre tive personalidade tranquila e comportamento reservado. Isso não queria dizer que fosse uma menina calma. Do contrário, era uma menina persistente e estratégica desde sempre, além de analítica e observadora. Mas como toda sagitariana, pensava antes de atirar a flecha no alvo desejado.


Em minhas lembranças, o sentimento de medo e ansiedade eram frequentes em minha vida e desde sempre muito presente nos acontecimentos.

Fosse para passar o fim de semana na casa da minha vó, fosse para saber a nota da prova e claro, a antecipação à prova da escola, fosse mais tarde, para coisas maiores e mais impactantes na minha vida.

O que de fato sei, é que o sentimento de medo, por muitas vezes me salvou de fazer algumas besteiras, mas a ansiedade também me fez “trocar os pés pelas mãos” em outras ocasiões.

Sempre tive o perfil pessoal e profissional de empreendedora e executora, mas com o passar do tempo, precisei aprender a delegar funções e controlar meus estados emocionais.

A ansiedade é o sentimento que temos, quando estamos ausente de nosso consciente presente, ou seja, quando estamos pré ocupados vivendo emocionalmente momentos que ainda estão por vir, ou querendo respostas que independem de nós. É um dos sentimentos que traz maior adrenalina ao nosso corpo e que existe para bons e mals momentos. E com certeza o momento que mais nos rouba do que temos que fazer agora que por força das circunstâncias pode até vir a ser o último.

Já o medo, é aquele sentimento de negativismo, é nele que está embutido o não acreditar. Porque eu nunca conheci ninguém que tivesse medo de ser muito bom em algo, ou daquele grande amor também corresponder, tão pouco medo de se sentir bonita, capaz, e extremamente competente no que exerce como profissional. Perceba que o medo está sim linkado a ansiedade e é ele que traz aquele frio na barriga e a ausência do seu presente, é ele que nutre a precaução para um segundo momento pior e é ele principalmente que nos impede, de realizarmos ainda mais. Porque é nele que mora o freio da realização.

Para vocês terem uma idéia do quanto era presente o sentimento de ansiedade em minha vida, quando eu tinha alguma viagem, deixava a mala pronta em torno de 15 dias antes, nunca tolerei atrasos, porque sempre tinha mal estar em ficar esperando, quando entrava num ônibus, tinha enjoos horríveis. Tudo isso porque queria estar no momento seguinte com a maior velocidade possível, de preferência a de um piscar de olhos.

A boa notícia, é que tanto o medo, quanto a ansiedade não são apenas sentimentos negativos, é neles que encontramos o grande querer de algo. Se analisarmos quando nos sentimos assim, perceberemos que o medo de não obter e a ansiedade em saber, resolver, conquistar logo, nos leva adiante. Nos faz, se percebido, ter bons planos, buscar alternativas, e principalmente aprender a controlar os estados emocionais, que acredito é uma grande virtude.

O que você pensa, o que você faz o torna em quem você é. Ninguém é ansioso ou medroso, mas todos, todos nós, por situações e falta de planejamento e do saber do grau de importância do valor que algo tem, sentimos esses sentimentos.

Com o tempo, aprendi a controlar minha ansiedade e a domar o meu medo. A ansiedade, através de uma respiração adequada e do dialogo interno que tenho comigo mesma, além de pratica de outras atividades, está domada em grande parte. O medo, através da analise de cenários, do planejamento, do conhecer perdas e ganhos e principalmente do aceite em viver o processo, viver o hoje e fazer o hoje o melhor que posso, também se tornou melhor.

Não são sentimentos que simplesmente são eliminados de nossas vidas, mas são sentimentos que podem trazer outros sentimentos, e que podem ser domados com atitudes simples, e que são benéficos em baixa existência, pois é neles que mora a paixão e o desejo por algo e a possibilidade de analise e prudência na hora de tomar uma decisão.

Cabe a cada um de nós, escolher a forma que irá utiliza-los. Escolha com sabedoria.

Excelente semana.



Karina Reis é:
Trainer Comportamental pelo IFT
Hipnose Clinica - Instituto Rogério Castilho
Desenvolvimento Humano (Coaching, Mentoring, Couseling)
Terapeuta em Rebirthing pelo Ibrare
Administração pela UTP, especialista em Gestão de Negócios.
Aromaterapeuta/ Ibra
Certified Personal & Professional e Executive Coaching pelo Behavioral Coaching Institute /USA.
Consultora Comportamento e Etiqueta Pessoal e Profissional – SENAC
Atua há 20 anos no mercado de trabalho, com vasta experiência nas áreas: comercial, financeira e bancária. (Editel, Polipetro, Santander,Funbep)
Diretora Fundadora e Executiva da Cannoh Coaching (Cannoh Desenvolvimento Pessoal e Profissional
Colunista do Blog Flash Curitiba e Jornal Correio do Paraná– Comportamento Humano
É Membro da Sociedade Brasileira de Coaching.
Psicoterapia Corporal pelo Centro Reichiano (especialização em curso)


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada,por nos deixar sua opinião.