Páginas

sexta-feira, 4 de abril de 2014

Release Coletiva GURITIBA



Guritiba 2014 aposta na música e integração dos adultos


Mostra infantil do Festival de Curitiba terá espetáculos
premiados e a estreia de Guta Stresser na direção de uma peça

O Guritiba, segmento infantil do Festival de Curitiba, entra em sua sexta edição apostando na música e na integração dos adultos ao evento. Já na edição passada, o Guritiba teve uma área lúdica, com brincadeiras e lanches, para as crianças se divertirem enquanto esperavam o próximo espetáculo. Este ano, a temática desse setor é o espaço sideral e os pais, tios e outros responsáveis pela meninada poderão passar o tempo também com brincadeiras "vintage" como pebolim e fliperama.
 Rafael Perry, um dos organizadores do Guritiba, participou hoje (4) de coletiva de imprensa no Memorial de Curitiba e contou que outro conceito do segmento é não se limitar ao teatro. "Temos teatro, música e dança, num panorama do que há de melhor das artes para as crianças", disse Perry. Outra novidade é que pela primeira vez um espetáculo curitibano participa do Guritiba: a Companhia do Abração, com “Sobrevoar".
Guritiba traz vários espetáculos de qualidade já reconhecidos por premiações e pelo público. Seis montagens compõem o certame voltado ao público infantil do 23.º Festival de Curitiba, entre os quais a estreia na direção da atriz Guta Stresser, em “O Médico que Tinha Letra Bonita”. Completam a programação “Operilda na Orquestra Amazônica”, “Criaturas”, “Sobrevoar”, “O Buraco no Muro” e “Rádio Show – Banda Mirim”.
Em 2014, o Guritiba será de 5 a 13 de abril, no ParkCultural do ParkShoppingBarigüi. Os ingressos estão à venda no site (www.festivaldecuritiba.com.br) ou nas bilheterias do Festival de Curitiba. A partir de 7 de abril os ingressos poderão ser adquiridos apenas na bilheteria do ParkShoppingBarigüi. O valor é R$40 (R$20, a meia-entrada). Uma novidade deste ano é o combo família: quem comprar a partir de dois ingressos do Guritiba ganha o direito de levar toda a família pagando meia–entrada por cada ingresso.
Um espaço temático também foi preparado para recepcionar a criançada com muita brincadeira e diversão antes das apresentações.
 “Criaturas”, um show musical e teatral criado a partir do livro homônimo de Lú Lopes, a Palhaça Rubra, é o primeiro espetáculo do Guritiba 2014, com apresentações nos dias 5 e 6 de abril, às 16h.  Acompanhada de Fê Sztok e do multi-instrumentista Danilo Penteado, a Palhaça Rubra toca bateria e canta as canções inspiradas nas criaturas de seu livro. Os personagens passam por desafios pessoais cotidianos, solucionados com ideias criativas, originais e alegres. Interativo, no show é muito comum as crianças e familiares cantarem junto, envoltos na atmosfera amorosa das mensagens de cada Criatura da obra.

Programação
“SobreVoar”, espetáculo da Cia do Abração, mostra Santos Dumont criança, na figura de Albertinho Dumundo, menino que vive numa dimensão de sonhos, onde os desafios e os obstáculos são vencidos após inúmeras tentativas. Em 2010, a peça foi indicada a cinco Prêmio Troféu Gralha Azul, inclusive como Melhor espetáculo, na categoria infantil.
Em “O Buraco do Muro” três crianças vidradas em internet começam a receber misteriosas mensagens em seus celulares sobre um tesouro escondido atrás de um muro. Os meninos resolvem atravessar “o buraco do muro” e se deparam com um monte de objetos velhos, roupas, bonecos, adereços empoeirados e livros, enquanto as pistas vão convencendo de que para encontrar o tesouro devem ler diversos clássicos da literatura.
A companhia Maracujá Laboratório de Artes usa técnicas de animação como manipulação direta, bonecos infláveis e teatro de sombras. Manipula também grandes sanfonados que se transformam o tempo todo em vários elementos do cenário (como o mar da cena de Moby Dick, o próprio muro, o jardim da Rainha de Copas do País das Maravilhas, entre outros elementos).  O espetáculo foi indicado na categoria “melhor espetáculo infantil nacional 2013” pelo Prêmio Arte Qualidade Brasil, “Melhor espetáculo em sala convencional 2013” pelo Prêmio CPT (premiação em 2014) e “melhor autor, iluminação e cenografia” pelo Prêmio FEMSA 2013 (premiação em 2014).
Com música  tocada ao vivo, “Operilda na Orquestra Amazônica” foi o vencedor, em São Paulo, do prêmio APCA 2013 na categoria Melhor Musical Infantil. A divertida montagem mostra para crianças e adultos que a música erudita não é uma arte de difícil acesso. Além do APCA, o espetáculo dirigido por Regina Galdino, com direção musical do maestro Miguel Briamonte, também concorre ao prêmio FEMSA 2013 nas categorias “melhor atriz”, “trilha sonora” e “categoria especial pela divulgação da música erudita e folclórica”.
Operilda, interpretada pela atriz Andréa Bassitt, é uma feiticeira “do bem” que sonha em ter uma orquestra e recebe  como missão contar para as crianças a história da música erudita no Brasil em uma hora. Se conseguir, ganhará a tão sonhada orquestra. Ao longo do espetáculo, Operilda passeará por diferentes ritmos musicais, estilos e compositores históricos da música erudita brasileira como Alberto Nepomuceno, Padre José Maurício, Carlos Gomes, Ernesto Nazareth, Chiquinha Gonzaga, Xisto Bahia, Villa-Lobos, Camargo Guarnieri, Guerra-Peixe e Tom Jobim.
“Rádio Show”, com a Banda Mirim,  por sua vez, é uma pequena homenagem aos antigos programas de rádio transmitidos ao vivo, direto de um auditório, com plateia participativa e convidados especiais. O musical mistura elementos de todas as criações do grupo e é conduzido por Odilon Fernandes, apresentador do programa na Rádio Sapecado AM que leva seu nome. Com o patrocínio do Creme Tomatol e do Elixir de Inhame Xavier, um exclusivo conjunto musical, formado por bateria, sopros, percussão, sanfona, violões, baixo e guitarra acompanha os convidados.Com dramaturgia de Pedro Bricio, “O médico que tinha letra bonita” marca a estreia da atriz curitibana Guta Stresser na direção. “O Médico” usa a inusitada história de um garoto que falava com os pés para tratar com leveza de assuntos sérios, como o bullyng.  No musical, Guta contracena com Vinicius Moreno (o Florianinho do seriado “A grande família”), que estreou nos palcos vivendo este personagem, um menino diferente dos outros e que precisa a aprender a lidar com isso. No palco está também uma banda cujos integrantes dão voz a outros personagens da trama. 

Serviço
Criaturas. Dias 5 e 6/04 às 16h; Sobrevoar. Dias 5 e 6/04 às 19h;O Buraco do Muro. Dias 8 e 9/4 às 19h. Rádio – Show – Banda Mirim. Dias 10 e 11/04 às 19h; Operilda. Dias 12 e 13/04 às 16h; O Médico que tinha letra bonita. Dias 12 e 13 às 19h. Todas as apresentações acontecem no ParkCultural do ParkShoppingBarigüi. Ingressos estão à venda no site do Festival de Curitiba (WWW.festivaldecuritiba.com.br) e na bilheteria do Festival de Curitiba instalada noParkShoppingBarigüi

Fonte: Festival de Teatro de Curitiba
Assessoria de Imprensa
Foto:  Ana Cris Willerding

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada,por nos deixar sua opinião.