Páginas

sexta-feira, 28 de fevereiro de 2014

Curitiba recebe show de SEU JORGE no dia 12 de abril




Apresentação acontece no Teatro Positivo. Produção e realização é da RW7 Production & Entertainment.



Com o dom de envolver com sua música e presença de espírito o povo e a elite, Seu Jorge desembarca em Curitiba com o show "Músicas para Churrasco". O show acontece no dia 12 de abril, sábado, a partir das 21h15 no Teatro Positivo.
No show, músicas do disco "Músicas para Churrasco" como A Doida, Amiga da minha Mulher, Olê Olê, Japonesa, entre outras. Sucessos como Seu Olhar, Burguesinha, Tive Razão, Carolina e Zé do Caroço devem fazer parte do set list preparado para a apresentação.
A produção e realização é da RW7 Production & Entertainment. Os ingressos estão a venda (a partir de R$80,00) pelo Disk Ingressos. Informações: www.diskingressos.com.br ou (41) 3315-0808. Saiba mais emhttp://www.facebook.com/Rw7ProductionEntertainment.

Release Seu Jorge: Disco faz rapsódia suburbana em letras, música e gêneros
Numa mesma conversa, Seu Jorge fala sobre a dança das cadeiras mundial, construção da obra com parceiros, capacitação do mercado de entretenimento, música negra, brasileira, americana, suingue; muitos suingues; no álbum "Músicas para Churrasco Vol. 1" o som é dedicado à festa. Dançar, cantar, cantar com o outro, se reconhecer na música; disco para ser colocado nas caixas de som do churrasco, ou de outra cervejada. "Eu imaginei uma grande vizinhança e um disco de músicas animadas. Pensando nessas pessoas que nos finais de semana se juntam, se encontram para comer, dançar e beber", diz Seu Jorge, que, todos sabem, tem o dom de envolver com sua música e presença de espírito o povo e a elite. Em seu disco, ele costura festas na laje ou na cobertura com sua marca de samba, funk, groove, metais, e arranjos utilizando instrumentos ora acústicos ora elétricos, ora vintage. "O disco tem vários componentes, não posso classificar o todo como um gênero só, porque passeia muito pelas influências da música brasileira e da música do mundo. Então acho que qualquer definição fica a cargo do público. Eles que vão dizer e reconhecer", diz ele.
Público este que aceitou e aclamou Seu Jorge e sua música. Cada vez mais popular, ele conquista respeito por onde passa. Agora é a vez deu seu próprio canteiro. "Adoro a Europa, a França é minha segunda casa, tenho o respeito e o carinho de toda a imprensa e público da Inglaterra, a curiosidade e o interesse de todo o público alemão, a alegria e despojamento do pessoal da Espanha e Portugal, nos EUA também há um interesse e a vontade de continuar uma edificação ali, mas sinto que há uma demanda aqui, o futuro é aqui; o meu país, assim como o meu povo, são minhas prioridades", avisa. Participações com nomes como Ivete Sangalo, Alexandre Pires e U2, além de atuações em filmes como Cidade de Deus, Tropa de Elite 2 e Life Aquatic foram cruciais neste processo. "Quando eu ia imaginar que o U2 iria chegar no Brasil e me convidar para fazer um som com eles? As coisas acontecem de forma inesperada, mas em momentos especiais, como os duetos com a Ivete e o Alexandre, tudo isso vai me empurrando para mais perto do público".
E com o "Músicas para Churrasco Vol. 1", criado em um insight no final do ano passado durante turnê com o projeto Almaz, Seu Jorge volta para si, busca suas maiores influências e parceiros para construir mais um andar - ou alguns quilômetros - nesta carreira tão inconstante quanto surpreendente de um artista brasileiro diferenciado, sem regras e com talento para fazer suas escolhas darem certo. Neste "disco de carreira", dentre tantos trabalhos fracionados por álbuns
para o exterior, duetos, trilhas e atuações no cinema, Seu Jorge retoma sua marca iniciada no Farofa Carioca, passa por seus álbuns solos Samba Esporte Fino e América Brasil e estabelece sua identidade, dividida com os parceiros de sempre Rogê, Gabriel Moura e Pretinho da Serrinha e colaborações nobres como a do Miguel Atwood-Ferguson Ensemble.
A sonoridade do disco - não se engane quem acha que os recursos são econômicos por se tratar de um churrasco popular - reúne o Conjuntão Pesadão, banda de Seu Jorge, o auxílio luxuoso de músicos e naipe de metais da cena musical de Los Angeles, arregimentados por Mario Caldato Jr, amigo e produtor desde sua estréia profissional; sem falar nos arranjos de cordas de Atwood- Ferguson e de sopros de Joey Altruda. Ao final do texto a lista de músicos das gravações.
As 10 músicas do álbum trazem a identidade de Seu Jorge; carioca, 41 anos, cidadão do mundo, residente em São Paulo. As letras expressam sua formação social, atestam seu diálogo direto e coerente com todo tipo de público, aproximam personagens e, consequentemente, a vida real de quem as ouve, como uma ópera social dançante, uma "rapsódia suburbana" embalada por um suingue próprio, como o que corre nas veias de todos os brasileiros. "As personagens foram pintando e aí eu percebi que estava fazendo um filminho. Eu não as conheço, mas sei que existem pessoas com esse perfil. E eu queria falar delas, e queria falar para elas também".
O suingue de A Doida abre a pista já mostrando como será o clima do disco, com letra bem humorada e coro para virar gíria de turma. Meu parceiro segue o clima, com introdução injetada de eletrônica e suingue, exaltando o amigo fiel e farrista "que ainda chega cheio de mulher". O acento black de Seu Jorge chega forte nos metais de A Véia, "aquela coroa que depois de criar os filhos vai curtir a vida no bingo, com as amigas, e o pobre do coroa reivindica a presença dela, porque ele também tem amor pra dar", conta. Íntimo do samba, ele mostra uma versão moderna do gênero em Dois Beijinhos, bom para dançar coladinho.
Sua marca registrada sonora continua em Vizinha, com suingue cadenciado e cuíca que conduz a imaginação do autor sobre a moça que mora ao lado e que todos querem saber se tem namorado. E segue em Amiga da minha mulher, música para cantar junto mandando recado para os amigos, num mix de cavaco- teclado-metais pra lá de envolvente.
A festa volta-se para a pista no hino Dia de Comemorar e brinca com o fetiche masculino em Japonesa, a oriental perturbadora da vizinhança. A noite cai e as batidas mais quentes do funk chegam ao churrasco em Olê, olê, para cair fácil no clima e dançar muito. Os versos dizem tudo. Imagina com som:
"É UM LANCE LEGAL PRA CARAMBA
QUE EMPURRA A GALERA PRA CIMA
É MISTURA DE POP COM RAP
DE ROCK, CONFETE, SAMBA E SERPENTINA
VOCE VAI GOSTAR DO CLIMA VOCE VAI QUERER VOLTAR
OS MANOS SÃO GENTE FINA
E AS MINAS SÃO DE APAIXONAR"
A virada de estilo e os arranjos de cordas de Miguel Atwood, com harpa e sintetizadores de Money Mark indicam o caminho do volume 2 da trilogia na despedida do álbum, Quem não quer sou eu. A música dá adeus à farra social da varanda e dá um chega pra cá na mina ou no cara ao lado, para dançar coladinho e ir para casa. "O fim não é o fim. Estou ativamente no campo de trabalho, estou participando e na área", avisa Seu Jorge, cheio de planos para o futuro.
Artista completo, ele mira na força econômica, cultural e profissional do Brasil e aposta na redução das distâncias continentais dentro do país através da tecnologia e transformação das regiões. "A interferência e passagem de artistas internacionais de grande peso no Brasil trazem capacitação para o nosso pessoal, promove intercâmbio de informações, equipamentos, produção. Tudo isso tem trazido muita qualidade e, para o Brasil que está muito apreciado e economicamente forte, há um mercado grande para crescer no entretenimento. E eu quero estar dentro dele". Precisa dizer mais alguma coisa?
Saiba mais em: http://www.seujorge.com

Serviço:
Show: SEU JORGE
Data: 12/abril/2014 - sábado - 21h15
Local: Teatro Positivo (Rua Professor Pedro Viriato Parigot de Souza, 5300 - Campo Comprido, Curitiba/PR) - (41) 3317-3107
Ingressos: a partir de R$ 80,00, pelo Disk Ingressos www.diskingressos.com.br ou (41) 3315-0808.
Meia Entrada: Estudantes, Doadores de Sangue, Professores, Pessoas acima de 60 anos e Deficientes físicos.
Desconto Especial: Clube Gazeta, Cartão Disk Ingresso, Programa de Benefícios Teatro Positivo e Sócio Furacao (todos com 50% de desconto).
Forma de pagamento: dinheiro, cartão de débito e crédito.
Classificação: Menores de 16 anos somente acompanhados dos pais ou responsáveis maior de idade.
Produção e Realização: RW7 Production & Entertainment
Saiba mais em http://www.facebook.com/Rw7ProductionEntertainment

Fonte: BelPress :: Comunicação 
Assessoria de Imprensa

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada,por nos deixar sua opinião.