Páginas

sexta-feira, 28 de fevereiro de 2014

ÓTV transmite desfile das Escolas de Samba da série "A" de Curitiba





Para quem vai passar o Carnaval em Curitiba, poderá acompanhar a programação da ÓTV, canal de TV multiplataforma do Grupo Paranaense de Comunicação (GRPCOM), que vai transmitir ao vivo, o desfile das Escolas de Samba da Série “A” de Curitiba, na madrugada de sábado para domingo (02/03), a partir da 00h30. A ÓTV vai ao ar pelo canal 11 da Net Curitiba, pelo site www.otv.tv.br e pelo aplicativo “ÓTV” que está disponível, gratuitamente, para iOS e Android. 
           Durante o Carnaval, a ÓTV também vai realizar uma cobertura jornalística especial nos telejornais ‘Notícias da Hora’ e ‘ÓTV Jornal’, com flashes durante a programação, novidades e serviços.

Fonte: GRPCOM 
Grupo Paranaense de Comunicação

Novidades para sua casa





O Grupo Universal Decor, especializado no segmento de arquitetura e design, lançou o blog Adoro Decorar. De uma forma descontraída e inovadora, a página oferece dicas de decoração, tendências, produtos e personalidades da área. O conteúdo do blog é elaborado por uma equipe que está sempre atenta as últimas novidades do segmento. O conceito é deixar o leitor informado e ao mesmo tempo curioso sobre tudo que está acontecendo no mercado. Com layout clean e sofisticado, o canal é uma aposta do Grupo. O que acha de fazer uma visita?

Fonte: Prime Comunicação

ESTREIAS NO CINEMARK MUELLER PASSARÃO A SER ÀS QUINTAS-FEIRAS


A partir de 13 de março, cinema do Shopping Mueller poderá ter estréias de filmes antes mesmo que seus países de origem

O público que frequenta o Cinemark, do Shopping Mueller, poderá usufruir da novidade anunciada, nesta semana, pela FENEEC (Federação Nacional das Empresas Exibidoras Cinematográficas): os lançamentos nos cinemas brasileiros passarão a acontecer às quintas-feiras. A nova medida será colocada em prática na semana após o Carnaval, no dia 13 de março.

Assim, os amantes da sétima arte não precisarão mais aguardar a sexta-feira para irem à estreia de seus filmes favoritos. Inclusive, o público do Shopping Mueller terá o privilégio de assistir alguns filmes antes mesmo que estréiem em seus países de origem - como os Estados Unidos, que praticam os lançamentos às sextas-feiras.

O Cinemark, do Shopping Mueller, fica no Piso Cinemas. Os ingressos para as sessões podem ser adquiridos na bilheteria do Cinemark e nos totens de autoatendimento, localizados no mesmo piso, ou pelo site www.cinemark.com.br

Serviço:
Cinemark do Shopping Mueller
Endereço: Shopping Mueller | Avenida Cândido de Abreu, 127 - Centro Cívico – Piso Cinemas

Telefone: (41) 3322-0296

Ingressos: bilheteria dos cinemas ou pelo site www.cinemark.com.br

Fonte: MCOMM Comunicação.
Assessoria de Imprensa

Promoção de Carnaval para o Guritiba

Entre os espetáculos do Guritiba 2014 está "O Médico que Tinha Letra Bonita", estreia da atriz Guta Stresser na direção.



Comprando ingressos para mais de um espetáculo do Guritiba, a mostra infantil do Festival de Curitiba, os adultos também pagam meia entrada, assim como as crianças. As montagens do Guritiba acontecem de 4 a 13 de abril, no Parkcultural.
Esta promoção é válida até o dia 9 de março para compras no site www.festivaldecuritiba.com.br e nas bilheterias em Curitiba: Shopping Mueller, Palladium Shopping Center e ParkShopping Barigui.
Para conhecer a programação completa e escolher os seus espetáculos basta acessar o link: http://festivaldecuritiba.com.br/guritiba

Fonte: 23. º Festival de Teatro de Curitiba
Assessoria de Imprensa

Box para que te quero




Saiba mais sobre este tipo de cama que tem conquistado cada vez mais adeptos no mundo todo

Hoje em dia há uma grande tendência de se utilizar os box no lugar das tradicionais camas, pois como não possuem a estrutura normal de uma cama, seja em madeira, metal ou outros materiais, eles ocupam o mesmo espaço do colchão. Com isso, otimizam o espaço existente nos quartos, cada vez mais diminutos. Porém, eles oferecem muitas outras vantagens, como conforto e praticidade.
Muita gente não sabe, mas o box é apenas a parte que vai embaixo do colchão e serve para elevar a sua altura, tornando mais fácil subir e descer da cama. “Além disso, ele absorve impactos e, com sua estrutura firme e plana, sustenta o colchão, reduzindo seu desgaste. Estes são justamente os maiores benefícios dos box, pois os estrados, comumente utilizados nas camas, proporcionam uma sustentação irregular e promovem um desgaste inadequado das molas”, afirma Diego Müller Milani, gerente de produtos da Camaleão Colchões.
Outro destaque dos box é o design simples e limpo, que permite muitas combinações. “Existem várias cores disponíveis e as marcas procuram oferecer o colchão e o box nas mesmas tonalidades, para facilitar. Para incrementar os box é possível, ainda, adquirir uma cabeceira, que pode ser comprada pronta ou sob medida, em formatos variados e materiais como tecido e madeira, combinando com os outros móveis do cômodo e destacando a cama”, ensina Caroline Coraiola, designer de interiores e consultora da Camaleão Colchões.
Entre os tipos de box existentes no mercado, se destacam o Sommier, conhecido como estruturado, e o Spring, também chamado de americano. “O primeiro possui estrutura de madeira e é o mais vendido no Brasil, principalmente por seu custo mais atraente. O segundo é o box original, ou seja, como criado inicialmente nos Estados Unidos. Com molasenvoltas em feltro ou espuma, tem a vantagem de absorver melhor os impactos. Em compensação, possui um custo bem mais elevado”, explica Diego. 
Existem também os box com camas auxiliares, baús ou gavetões. “Estes podem ser grandes aliados de quem tem pouco espaço disponível, pois servem para guardar roupas de cama e cobertores pouco utilizados, entre outras coisas”, elucida Caroline.
Apesar de algumas pessoas reclamarem do vão entre o chão e a cama box ser muito pequeno, o que pode dificultar a limpeza do chão embaixo da peça, muitas marcas oferecem versões com rodinhas acopladas. Basta empurrar e limpar. “A limpeza do box, por sua vez, deve ser feita com sabão neutro e um pano levemente úmido cerca de uma vez por mês para tirar o pó”, completa Diego.

Sobre a Camaleão Colchões:
A loja do segmento de colchões e acessórios se destaca por oferecer bons produtos, de marcas renomadas como Pierre Cardin, Sealy, Mannes Colchões e Ecoflex, a preços compatíveis com o valor real de cada um. Encabeçada pelos empresários Carlos Eduardo Kaimoto Uyemura e Diego Müller Milani, a Camaleão Colchões completa um ano em 2014, mas seus sócios possuem a experiência de mais de 10 anos de atuação na área, o que possibilita um melhor atendimento aos clientes, com conhecimento dos produtos e do mercado. Com previsão de abertura de mais uma loja ainda neste primeiro semestre de 2014, a empresa atualmente atende em um espaço de mais de 350 metros quadrados, localizado no bairro do Hauer, em Curitiba (PR).

Serviço:
Camaleão Colchões
Endereço: Avenida Marechal Floriano Peixoto, 7401, Lojas 3 e 4
Telefone: (41) 3088-7717

Fonte: BG Comunicação
Foto: Divulgação

LOJAS DO LITORAL ABERTAS ATÉ DEPOIS DO CARNAVAL



Os veranistas têm até dia 9 de março para curtir o Au-Au no litoral do Paraná. É nesta data que fecham as lojas de Caiobá e Guaratuba, se despendindo da temporada de verão. Até esta data, elas abrirão todos os dias a partir das 16h. De domingo a quinta-feira, com fechamento à 1h da manhã, enquanto às sextas e sábados, às 3h.
Destaques do cardápio como a Beef Salad (salada de folhas, tomate, ovo cozido e croutons com tiras de carne bovina na chapa), New York (cachorro-quente com salsicha americana grelhada) e Beef Honey Mustard (sanduíche especial dom tiras de carne bovina, bacon e molho Honey Mustard) estão entre as delícias disponíveis nestas lojas. Em Caiobá, o Au-Au está na Rua Rio Branco, 283. Em Guaratuba, na Rua 29 de Abril, 890.
Fonte: FC Comunicação

Vestido de Cinderela ou Gata Borralheira?




Entre o início e o final da festa os vestidos podem se transformar. Para trazê-los à aparência original são necessários tratamentos e limpezas bem específicos


            Seja festa de 15 anos, casamento ou formatura, os vestidos longos sempre entram em cena para abrilhantar ainda mais a ocasião. Os modelos são diversos e os tecidos geralmente delicados e finos, com bordados, apliques, plissados, rendas e outros detalhes. Apesar do glamour que os vestidos longos inspiram, após uma boa festa eles podem ficar irreconhecíveis. Manchas de champanhe e barra encardida são bem comuns depois de um baile, por isso é importante levá-los o quanto antes a uma lavanderia para receberem o tratamento e limpeza merecidos.
Tecidos de seda, crepe, chiffon e zibeline são os mais usuais em vestidos de festa e, por serem nobres, exigem um cuidado diferenciado e com produtos específicos. “Cada peça deve receber um tratamento diferenciado conforme o tipo de sujeira e a fibra do tecido”, salienta Birgit Marsili, franqueada da lavanderia premium Lavasecco, em Curitiba (PR). A limpeza de um vestido de festa é algo muito delicado, pois quando possui pedrarias, estruturas metálicas, bojos e tecidos com cores diferentes que soltam tintas, às vezes é necessário desmontá-lo, lavar cada parte separadamente e montá-lo novamente após a secagem.
Segundo Driano Marsili, também franqueado da unidade Lavasecco, a lavagem de um vestido envolve um trabalho totalmente artesanal. Primeiro cada mancha é tratada com um produto específico, depois é feita uma pré-lavagem manual e, conforme o tecido, ocorre a lavagem no Wet Cleaning. “Essa tecnologia garante um serviço diferenciado no tratamento de peças bem delicadas e com detalhes, pois utiliza equipamentos de ponta e produtos (de origem alemã) especialmente desenvolvidos para o processo, conservando melhor as peças do vestuário mais sofisticadas”, explica Driano.
Alguns vestidos podem ser lavados a seco, exceto os com pedrarias e apliques plásticos, os quais podem descolar ou se dissolver dentro da máquina. Por isso, é muito importante não cortar a etiqueta dos vestidos, pois elas são como um termo de garantia da peça que oferece instruções precisas sobre a lavagem correta. Em relação à secagem dessas delicadas roupas, Birgit indica que seja feita ao natural ou no sistema de tapotagem, dependendo do tecido. Já a passadoria é a vapor e/ou com temperaturas baixas. Na hora de guardar o vestido, ela dá mais um conselho: “Geralmente podem ficar pendurados em cabides, porém nunca dentro de plásticos. Modelos mais pesados, com pedrarias, devem ser armazenados na horizontal em caixas e, se forem brancos, envoltos em papel de seda azul”, recomenda a empresária. A Lavasecco oferece caixas próprias para os vestidos de noiva e de festa, e também possui parceria com lojas e estilistas de Curitiba.

Sobre a Lavasecco:
Com 20 lojas pelo país, a Lavasecco Franchising foi fundada em abril de 2005 por empresários que atuavam no setor há quase uma década. A Lavasecco se destaca no segmento de lavanderias domésticas pela tecnologia italiana de ponta das melhores máquinas mundiais e alta qualidade no atendimento ao cliente. Todo o conceito, layout e maquinário da Lavasecco foi desenvolvido para garantir excelência na limpeza e conservação de peças de vestuário, cama, mesa e banho. A empresa oferece ainda serviço de delivery gratuito e oficina de costura.

Serviços
Lavasecco – Lavanderia Premium
Rua Prof. Pedro V. Parigot de Souza, 3901 - lj 1004 – Ecoville
(esq. Rua Prof. João Falarz)
Horário de funcionamento: 2ª a 6ª feira das 8h às 19h e sábado das 9h às 13h

Fonte: BG Comunicação
Foto: Gerson Lima


TAJ Curitiba agita o Carnaval com house e lounge music




O TAJ Curitiba apresenta sua agenda para o feriado de Carnaval.  Em clima de comemoração do prêmio de Melhor Bar do Brasil, recebido na última semana em São Paulo no Cool Awards 2014, a casa indo asiática terá o DJ Chuva no comando das pick ups nas noites de sexta-feira, sábado e domingo, quando o DJ Alex Soul fará o warm up do Classic Sunday.
Na segunda-feira, 3 de março, o destaque da noite é o sushi bar, que tem suas delícias a 50% off. Na terça-feira, 4, o bar estará fechado, reabrindo no dia seguinte, quarta-feira, com apresentação do DJ Bruno Belotto.

Serviço:
TAJ
Rua Bispo Dom José, 2302 – Batel – Curitiba – PR
Informações, reservas e valores: 41 3343-4467
www.tajbar.com.br / Facebook: tajbarcuritibaoficial

Fonte: A Assessoria em Comunicação

TV éParaná transmite carnaval de seis cidades do Estado


O carnaval de Antonina terá transmissão ao vivo e na programação serão exibidos flashes de outras cidades do Estado. No sábado, a emissora entra em rede com a TV Cultura para exibição do Carnaval do Recife

A TV éParaná transmitirá ao vivo no domingo (2) o carnaval de Antonina, a partir das 18h. O desfile começará às 20h com as participações dos comentaristas Adélia Lopes, Lais Mann, Maurício Cruz e Mozart Machado. Serão transmitidos também os carnavais de Tibagi, Caiobá, Guaratuba, Paranaguá, Pontal do Paraná e Curitiba, e as festas Grotesc Vision, Rock Carnival, Psycho Carnival, Zombie Walk e Gabaon que acontecem na capital.
As equipes da TV é Paraná estarão identificadas com camisetas laranja, com o logotipo da emissora.
Transmissões - no sábado (1), durante a programação, serão exibidos o carnaval na cidade de Tibagi, e as festas Grotesc Vision, Rock Carnival e Psycho Carnival, em Curitiba. Das 20h às 23h, flashes do carnaval de Caiobá, e a transmissão de boletins do desfile em Curitiba com os blocos Afoxé, Derrepente e Rancho das Flores; as escolas Imperatriz da Liberdade, Unidos de Pinhais, Bairro Alto e Internautas; e as escolas do grupo principal Leões da Mocidade, Embaixadores da Alegria, Mocidade Azul e Acadêmicos da Realeza.
A partir das 23h, a TV éParaná entra em rede com a TV Cultura para a transmissão do carnaval do Recife e dos shows de  Gilberto Gil, Lenine e Gabi Amarantos.
No domingo (2), a partir das 15h, flashes da apuração do desfile em Curitiba e das festas Zombie Walk e Gabaon. A partir das 18h, os preparativos para o desfile em Antonina que começará às 20h e ainda flashes do carnaval em Paranaguá e em Caiobá.
Segunda-feira (3) é dia da Guaratubanda e a TV éParaná estará em Guaratuba para registrar a festa com exibição de boletins das 20h às 23h. Também estão na programação o carnaval em Pontal do Paraná, o baile público no Centro Esportivo do Bairro Novo e o tradicional baile do Paraná Clube.
Na terça-feira (4), a partir das 16h, flashes do baile público infantil no Centro Esportivo do Bairro Novo e no Paraná Clube.

A programação pode ser assistida em tempo real também pela internet em www.rtve.pr.gov.br

Fonte: Marialda Pereira
Jornalista

Curitiba recebe show de SEU JORGE no dia 12 de abril




Apresentação acontece no Teatro Positivo. Produção e realização é da RW7 Production & Entertainment.



Com o dom de envolver com sua música e presença de espírito o povo e a elite, Seu Jorge desembarca em Curitiba com o show "Músicas para Churrasco". O show acontece no dia 12 de abril, sábado, a partir das 21h15 no Teatro Positivo.
No show, músicas do disco "Músicas para Churrasco" como A Doida, Amiga da minha Mulher, Olê Olê, Japonesa, entre outras. Sucessos como Seu Olhar, Burguesinha, Tive Razão, Carolina e Zé do Caroço devem fazer parte do set list preparado para a apresentação.
A produção e realização é da RW7 Production & Entertainment. Os ingressos estão a venda (a partir de R$80,00) pelo Disk Ingressos. Informações: www.diskingressos.com.br ou (41) 3315-0808. Saiba mais emhttp://www.facebook.com/Rw7ProductionEntertainment.

Release Seu Jorge: Disco faz rapsódia suburbana em letras, música e gêneros
Numa mesma conversa, Seu Jorge fala sobre a dança das cadeiras mundial, construção da obra com parceiros, capacitação do mercado de entretenimento, música negra, brasileira, americana, suingue; muitos suingues; no álbum "Músicas para Churrasco Vol. 1" o som é dedicado à festa. Dançar, cantar, cantar com o outro, se reconhecer na música; disco para ser colocado nas caixas de som do churrasco, ou de outra cervejada. "Eu imaginei uma grande vizinhança e um disco de músicas animadas. Pensando nessas pessoas que nos finais de semana se juntam, se encontram para comer, dançar e beber", diz Seu Jorge, que, todos sabem, tem o dom de envolver com sua música e presença de espírito o povo e a elite. Em seu disco, ele costura festas na laje ou na cobertura com sua marca de samba, funk, groove, metais, e arranjos utilizando instrumentos ora acústicos ora elétricos, ora vintage. "O disco tem vários componentes, não posso classificar o todo como um gênero só, porque passeia muito pelas influências da música brasileira e da música do mundo. Então acho que qualquer definição fica a cargo do público. Eles que vão dizer e reconhecer", diz ele.
Público este que aceitou e aclamou Seu Jorge e sua música. Cada vez mais popular, ele conquista respeito por onde passa. Agora é a vez deu seu próprio canteiro. "Adoro a Europa, a França é minha segunda casa, tenho o respeito e o carinho de toda a imprensa e público da Inglaterra, a curiosidade e o interesse de todo o público alemão, a alegria e despojamento do pessoal da Espanha e Portugal, nos EUA também há um interesse e a vontade de continuar uma edificação ali, mas sinto que há uma demanda aqui, o futuro é aqui; o meu país, assim como o meu povo, são minhas prioridades", avisa. Participações com nomes como Ivete Sangalo, Alexandre Pires e U2, além de atuações em filmes como Cidade de Deus, Tropa de Elite 2 e Life Aquatic foram cruciais neste processo. "Quando eu ia imaginar que o U2 iria chegar no Brasil e me convidar para fazer um som com eles? As coisas acontecem de forma inesperada, mas em momentos especiais, como os duetos com a Ivete e o Alexandre, tudo isso vai me empurrando para mais perto do público".
E com o "Músicas para Churrasco Vol. 1", criado em um insight no final do ano passado durante turnê com o projeto Almaz, Seu Jorge volta para si, busca suas maiores influências e parceiros para construir mais um andar - ou alguns quilômetros - nesta carreira tão inconstante quanto surpreendente de um artista brasileiro diferenciado, sem regras e com talento para fazer suas escolhas darem certo. Neste "disco de carreira", dentre tantos trabalhos fracionados por álbuns
para o exterior, duetos, trilhas e atuações no cinema, Seu Jorge retoma sua marca iniciada no Farofa Carioca, passa por seus álbuns solos Samba Esporte Fino e América Brasil e estabelece sua identidade, dividida com os parceiros de sempre Rogê, Gabriel Moura e Pretinho da Serrinha e colaborações nobres como a do Miguel Atwood-Ferguson Ensemble.
A sonoridade do disco - não se engane quem acha que os recursos são econômicos por se tratar de um churrasco popular - reúne o Conjuntão Pesadão, banda de Seu Jorge, o auxílio luxuoso de músicos e naipe de metais da cena musical de Los Angeles, arregimentados por Mario Caldato Jr, amigo e produtor desde sua estréia profissional; sem falar nos arranjos de cordas de Atwood- Ferguson e de sopros de Joey Altruda. Ao final do texto a lista de músicos das gravações.
As 10 músicas do álbum trazem a identidade de Seu Jorge; carioca, 41 anos, cidadão do mundo, residente em São Paulo. As letras expressam sua formação social, atestam seu diálogo direto e coerente com todo tipo de público, aproximam personagens e, consequentemente, a vida real de quem as ouve, como uma ópera social dançante, uma "rapsódia suburbana" embalada por um suingue próprio, como o que corre nas veias de todos os brasileiros. "As personagens foram pintando e aí eu percebi que estava fazendo um filminho. Eu não as conheço, mas sei que existem pessoas com esse perfil. E eu queria falar delas, e queria falar para elas também".
O suingue de A Doida abre a pista já mostrando como será o clima do disco, com letra bem humorada e coro para virar gíria de turma. Meu parceiro segue o clima, com introdução injetada de eletrônica e suingue, exaltando o amigo fiel e farrista "que ainda chega cheio de mulher". O acento black de Seu Jorge chega forte nos metais de A Véia, "aquela coroa que depois de criar os filhos vai curtir a vida no bingo, com as amigas, e o pobre do coroa reivindica a presença dela, porque ele também tem amor pra dar", conta. Íntimo do samba, ele mostra uma versão moderna do gênero em Dois Beijinhos, bom para dançar coladinho.
Sua marca registrada sonora continua em Vizinha, com suingue cadenciado e cuíca que conduz a imaginação do autor sobre a moça que mora ao lado e que todos querem saber se tem namorado. E segue em Amiga da minha mulher, música para cantar junto mandando recado para os amigos, num mix de cavaco- teclado-metais pra lá de envolvente.
A festa volta-se para a pista no hino Dia de Comemorar e brinca com o fetiche masculino em Japonesa, a oriental perturbadora da vizinhança. A noite cai e as batidas mais quentes do funk chegam ao churrasco em Olê, olê, para cair fácil no clima e dançar muito. Os versos dizem tudo. Imagina com som:
"É UM LANCE LEGAL PRA CARAMBA
QUE EMPURRA A GALERA PRA CIMA
É MISTURA DE POP COM RAP
DE ROCK, CONFETE, SAMBA E SERPENTINA
VOCE VAI GOSTAR DO CLIMA VOCE VAI QUERER VOLTAR
OS MANOS SÃO GENTE FINA
E AS MINAS SÃO DE APAIXONAR"
A virada de estilo e os arranjos de cordas de Miguel Atwood, com harpa e sintetizadores de Money Mark indicam o caminho do volume 2 da trilogia na despedida do álbum, Quem não quer sou eu. A música dá adeus à farra social da varanda e dá um chega pra cá na mina ou no cara ao lado, para dançar coladinho e ir para casa. "O fim não é o fim. Estou ativamente no campo de trabalho, estou participando e na área", avisa Seu Jorge, cheio de planos para o futuro.
Artista completo, ele mira na força econômica, cultural e profissional do Brasil e aposta na redução das distâncias continentais dentro do país através da tecnologia e transformação das regiões. "A interferência e passagem de artistas internacionais de grande peso no Brasil trazem capacitação para o nosso pessoal, promove intercâmbio de informações, equipamentos, produção. Tudo isso tem trazido muita qualidade e, para o Brasil que está muito apreciado e economicamente forte, há um mercado grande para crescer no entretenimento. E eu quero estar dentro dele". Precisa dizer mais alguma coisa?
Saiba mais em: http://www.seujorge.com

Serviço:
Show: SEU JORGE
Data: 12/abril/2014 - sábado - 21h15
Local: Teatro Positivo (Rua Professor Pedro Viriato Parigot de Souza, 5300 - Campo Comprido, Curitiba/PR) - (41) 3317-3107
Ingressos: a partir de R$ 80,00, pelo Disk Ingressos www.diskingressos.com.br ou (41) 3315-0808.
Meia Entrada: Estudantes, Doadores de Sangue, Professores, Pessoas acima de 60 anos e Deficientes físicos.
Desconto Especial: Clube Gazeta, Cartão Disk Ingresso, Programa de Benefícios Teatro Positivo e Sócio Furacao (todos com 50% de desconto).
Forma de pagamento: dinheiro, cartão de débito e crédito.
Classificação: Menores de 16 anos somente acompanhados dos pais ou responsáveis maior de idade.
Produção e Realização: RW7 Production & Entertainment
Saiba mais em http://www.facebook.com/Rw7ProductionEntertainment

Fonte: BelPress :: Comunicação 
Assessoria de Imprensa

Segunda Edição



Já está no ar a segunda edição da Newsletter do Núcleo Paranaense de Decoração. O boletim, voltado para arquitetos, designers, lojistas e público final, aborda as últimas tendências relacionadas à decoração, além de apresentar as tendências para esse mercado em 2014. Confira: www.npdd.com.br/boletim/02/npdd_02.html

Fonte: Prime Comunicação

RISORAMA DIVULGA PROGRAMAÇÃO

Diogo Portugal


O Risorama divulga sua programação para a edição 2014, que acontece de 29 de março a 3 de abril no Park Cultural (ParkShopping Barigui). Como já é tradição,  o evento reúne uma seleção de grandes artistas, promovendo um encontro de novas gerações do humor nacional e talentos já consagrados.  Diogo Portugal, criador e curador do evento, será acompanhado por Márcio Ballas na apresentação, com um elenco de mais 30 convidados.

Os ingressos já estão à venda no site www.festivaldecuritiba.com.br.

Cada uma das seis noites trará elenco variado de sete humoristas, com inicio às 20h. Para receber o público, o espaço do ParkCultural terá a ambientação de um grande bar, com direito a mesas, garçons e cardápio de petiscos e bebidas. Um grande sucesso de público, o Risorama integra o Festival de Curitiba há onze anos.

Entre as novidades deste ano está a presença do humorista Márcio Ballas como mestre de cerimônia. Ator, palhaço e improvisador, ele é apresentador do programa “Cante se Puder” (SBT) e integrante do programa Os Incríveis, da National Geographic, entre outros trabalhos de destaque na TV. No teatro, participa do espetáculo “Jogando no Quintal”, que ficou em cartaz por sete anos em São Paulo com grande sucesso, e já atuou ao lado da companhia Barbixas de Humor.

Diogo Portugal conta que o sucesso do Risorama se dá pela mistura de diferentes estilos e pela presença de humoristas já bastante conhecidos do público e de novos com muito potencial. "Sou uma espécie de olheiro do humor, sempre em busca de novos talentos para trazer ao Risorama", diz ele. “A cada ano temos grandes revelações e também o encontro de nomes conhecidos. Não é a toa que o Risorama já foi apelidado de colônia de férias dos humoristas, pois o clima é de festa e celebração total”.

O formato de humor ao estilo stand up comedy, quando chegou ao Festival de Teatro de Curitiba ainda era novidade no Brasil. Mas o crescimento do interesse desde a primeira edição do Risorama, em 2003, é evidente:  na época, a mostra de humor tinha apenas um dia. Na edição 2014, terá mais de 40 artistas se revezando nas seis noites de festa.

Programação (sujeita a alterações, devido à agenda dos artistas)

DIA 29 – sábado
Marcio Ballas
Diogo Portugal
Marcelo Marrom e Rodrigo Capella
Rafael Cortês
Marco Luque
Rafinha Bastos
Nigel Godman

DIA 30 – domingo
Marcio Ballas
Diogo Portugal
Helio Barbosa
Mauricio Meirelles
Guri de Uruguaiana
Micheli Machado
Robson Nunes

DIA 31 – segunda
Marcio Ballas
Diogo Portugal
Claudio Torres
Rudy Landucci
Melhores do Mundo
Gustavo Mendes
Paulinho Serra

DIA 01 – terça
Marcio Ballas
Diogo Portugal
Murilo Gun
Afonso Padilha
Miau Carraro
Fabio Lins
Rodrigo Jacaré

DIA 02 – quarta
Marcio Ballas
Diogo Portugal
Fabio Porchat
Fernando Caruso
Fabio Silvestre
Victor Sarro
Claudio Carneiro

DIA 03 – quinta
Marcio Ballas
Diogo Portugal
Fabio Rabin
Criss Paiva
Dinho Machado
Octavio Mendes
*Artista a ser confirmado.

Fonte: Festival de Curitiba

Festival de Curitiba: Débora Falabella participa da Mostra 2014





A ética do trabalho

Uma corrosiva crítica ao mundo corporativo é o pano de fundo de “Contrações”, espetáculo do Grupo 3 de Teatro, estrelado por Débora Falabella e Yara Novaes. A partir do texto do autor inglês Mike Bartlett, o que se vê em cena é um retrato de contradições que se movimentam no universo de trabalho.

Reconhecida por seu trabalho com o grupo mineiro Espanca! – que ganhou impulso nacional com o sucesso da peça “Por Elise”, no Fringe, em 2005, na 14.ª edição do Festival de Curitiba -, Grace Passô assina a direção.

A montagem trabalha intensamente com frases repetidas trazendo novos sentidos a cada vez, no que Yara vê uma “elaboração quase musical”. As duas atrizes recriam os conflitos de um ambiente de escritório no qual gradativamente os personagens vão abrindo mão de suas vidas e éticas pessoais em prol do trabalho.

A tensão se estabelece com a regra que proíbe relacionamentos entre colegas de trabalho e Ema (Débora Falabella) acaba confessando à diretora de recursos humanos (Yara de Novaes) seu relacionamento conjugal com um colega.  A partir daí, situações absurdas se sucedem, envolvendo as duas numa trama que fará a funcionária acreditar nos argumentos da chefe e enveredar por um perigoso caminho.

Quarto espetáculo do grupo criado em 2006, “Contrações” é a segunda montagem com texto estrangeiro. Diretora do grupo, desta vez Yara queria atuar. “Temos uma autonomia para escolher o que e com quem trabalhar, mas a partir do momento que entregamos a direção para alguém em quem acreditamos, ela fica responsável por isso e pela gente também”, pontua Débora, que gosta da ideia de ter um outro olhar na criação.

O processo de construção deste trabalho contou com uma série de leituras realizadas pelo interior de São Paulo, o que permitiu aos envolvidos ir tomando consciência do impacto do texto nas pessoas.  “Com essas leituras vimos que o que tratamos no palco faz parte da vida de hoje, época em que realmente você fica submisso ao mundo do trabalho”, pondera Débora. “Foi muito interessante escutar o público e ver a reação ao que a gente falava no texto, como ele bate nas pessoas e compreendemos o seu poder”, completa.

A diretora também destaca a importância das leituras. Nelas, argumenta, foi possível experimentar o texto em sua verve original. “Ele foi escrito para rádio, então existe nele uma estrutura sonora e essa experiência trouxe uma especificidade para o trabalho, porque desde o início tínhamos o olhar do público, a noção do impacto que é ouvir uma história surreal como esta”, diz Grace Passô.

A diretora convidada diz ainda que a experiência lhe ajudou no exercício da síntese da cena. “Imagens, situações e formas resolvem uma cena de maneira sintética, concisa e clara”, diz, acrescentando que foi um exercício importante para todos entender como é construir um espetáculo em que “a palavra é a ação”.

Contrações – Grupo 3 de Teatro (SP)
Dias 28 e 29 de março, às 21h - Teatro Bom Jesus


Ficha Técnica
Texto: Mike Bartlett
Tradução: Silvia Gomez
Direção: Grace Passô
Elenco: Débora Falabella e Yara de Novaes
Cenário e Figurinos: André Cortez
Iluminação: Alessandra Domingues
Direção Musical e Trilha Sonora: Morris Picciotto
Direção de Produção: Gabriel Paiva |
Idealização: Grupo 3 de Teatro.

Fonte: 23. º Festival de Teatro de Curitiba
Assessoria de Imprensa

Pronta para crescer ainda mais

Tecnoflex - José Pedro e Gustavo Duarte


Há 26 anos no mercado de mobiliário corporativo, a Tecnoflex é um exemplo de que é possível desenvolver um plano de expansão e manter a qualidade dos serviços e produtos oferecidos

A Tecnoflex, empresa familiar iniciada como uma loja de artigos de informática, hoje é considerada a maior do ramo de móveis corporativos no Paraná e uma das maiores do país. Em seus 26 anos de história, teve a tecnologia como fator decisivo para investir em mudanças e ampliar suas operações. Atualmente, conta com pontos de venda em 13 estados que alimentam todo o território brasileiro, e exporta diversas linhas para países como Chile, Paraguai e Taiwan.

Gustavo Duarte, gerente comercial da Tecnoflex no Paraná, explica que a evolução tecnológica, principalmente o surgimento de computadores domésticos, motivou os donos da empresa a ampliar sua linha de produtos, iniciando a fabricação de mesas para acomodar as máquinas. “Na época não havia móveis específicos para o uso de computadores e nossos clientes queixavam-se da falta desse mobiliário. Assim surgiu a ideia de fabricar as mesas em uma marcenaria improvisada na própria loja”, relata.

Desde então a demanda só cresceu e a fábrica acompanhou esse progresso. Sem medo de ampliar suas instalações, a empresa passou por alguns espaços até se estabelecer na fábrica em Quatro Barras/PR, que em 2014 ganhará mais quatro mil metros quadrados de galpões para acomodar o maquinário adquirido recentemente. “Com aproximadamente 160 colaboradores trabalhando diretamente conosco, investimos em treinamento e qualificação com o objetivo de manter a qualidade de nossos produtos mesmo com a produção em larga escala. A aplicação dos sistemas de qualidade comprovados pela certificação ISO 9001 também garante uma produção uniforme e de acordo com os padrões pré-estabelecidos”, diz Gustavo.

Segundo ele, a mesma rigidez se aplica à contratação de novos gestores para a marca em outros estados e também na escolha da localização dos sete showrooms, estabelecidos em Curitiba, Campinas, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Recife, Brasília e São Paulo. “A rede Tecnoflex está em constante expansão nos últimos três anos por meio de critérios rígidos para a definição da estrutura dos showrooms, da capacidade de atendimento aos arquitetos e ao mercado corporativo. Tais aspectos são analisados cuidadosamente antes de selecionarmos o novo ponto de venda”, complementa Julianne Mugiatti, gerente de mercado da Tecnoflex.

Com foco no atendimento às necessidades do mercado, acompanhando a tecnologia e oferecendo flexibilidade para o ambiente empresarial, a Tecnoflex se estabeleceu entre as principais marcas do setor e procura estar sempre atenta às mudanças tecnológicas, às tendências internacionais de design corporativo e ao conforto no ambiente de trabalho, contribuindo para a produtividade de empresas importantes e de referência nacional.

Sobre a Tecnoflex:
Especializada no desenvolvimento, produção e comercialização de mobiliário para escritórios, a Tecnoflex, empresa paranaense fundada em 1987 por José Pedro Duarte, é considerada a maior empresa do ramo no Paraná e uma das maiores do país, presente em todas as cidades brasileiras atendidas por uma rede de representantes altamente qualificada, com equipes de montagem e projetos. Dentre seus diferenciais está o investimento em novas tecnologias de fabricação, design diferenciado e capacitação de sua equipe, trazendo ao consumidor final um produto de qualidade e sofisticação. 

Serviço:
Tecnoflex Mobiliário Corporativo
Fábrica: Rua José Rodrigues Fortes, 264 - Jardim Patrícia
Quatro Barras – Paraná
CEP 83420-000
Telefone: (41) 3671 8400
Showroom: Rua Augusto Stresser, 1573, bloco A, sala 08 – Hugo Lange
Telefone: (41) 3039-8400

Fonte: BG Comunicação Dirigida