Páginas

sexta-feira, 31 de maio de 2013

Paraná Clínicas investe em Programa de combate ao Tabagismo

Pacientes contam com acompanhamento de especialista e recebem as orientações necessárias para parar de fumar

O tabagismo é principal causa de muitas doenças pulmonares, além de estar associado às causas de doenças cardiovasculares e tumores. Com o objetivo de conscientizar a população sobre o assunto e diminuir os riscos desses tipos de doenças, o governo aprovou, em 1986, a Lei Federal nº 7488, que estabeleceu o dia 29 de agosto como Dia Nacional de Combate ao Fumo, criando assim, o compromisso de elaborar campanhas de combate ao tabagismo. Essa iniciativa também é praticada em todo mundo no dia 31 de Maio, conhecido como Dia Mundial sem Tabaco, que movimenta todos os países na luta contra o vício. 
Segundo dados da Sociedade Brasileira de Pneumologia e Tisiologia, no Brasil, cerca de 30% da população adulta é fumante. Além disso, estima-se que ocorram, a cada ano, 125.000 mortes no país por doenças associadas ao fumo.
Pensando nesses dados e preocupada com o bem estar de seus beneficiários e colaboradores, a Paraná Clínicas Plano Saúde Empresariais criou o Programa de Tabagismo, no qual os pacientes contam com a ajuda de um especialista e recebem as orientações necessárias para parar de fumar. Isto é feito por meio de tratamentos e terapias motivacionais, o que facilita a interrupção do hábito.
Segundo o Coordenador do programa, Dr. Hélio Rubens de Oliveira Filho, a medida mais importante para a prevenção dos danos causados pelo tabagismo é identificar o hábito e tentar motivar o paciente a interrompê-lo. “O programa permite um seguimento com profissionais habilitados, sejam eles médicos, Psicólogos, Assistentes Sociais ou outros especialistas. Os dados que encontramos com os pacientes que acompanhamos nesses programas mostram que seus objetivos são alcançados na maioria das vezes”, conta.
Segundo Filho a partir do momento em que o paciente decide abandonar o vício ele passa a integrar o programa e a contar com o acompanhamento. “O paciente conta também com consultas, sessões e quando necessário, palestras que são previamente agendadas e programadas junto a ele”. Segundo o Dr. em media, necessita-se de 3 a 4 consultas para o abandono do tabagismo.
Para integrar o programa, o acesso pode ser por busca direta do paciente, encaminhamento de outros médicos e busca ativa da Paraná Clinicas através das atividades nas empresas (como o Dia Saudável) ou ferramentas dos portuários eletrônicos nas unidades próprias. Informações sobre o programa podem obtidas pelo teleconsultas da empresa (41)3340-3030.

Lide Multimídia – Assessoria de Imprensa


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada,por nos deixar sua opinião.